Ações da Semana do MEI em Chapecó integram Programa Cidade Empreendedora

Microcrédito cresce no cenário nacional
11 de Maio de 2018
Credioeste: 19 anos de atuação na área de microfinanças
18 de Maio de 2018

MB Comunicação

Em Chapecó, a 10ª Semana do Microempreendedor Individual integra as ações do Programa Cidade Empreendedora, desenvolvido pela Prefeitura e Sebrae/SC. A iniciativa é gratuita e conta com a parceria da Sala do Empreendedor. São apoiadores a Credioeste, Extracredi e Crecerto.

A programação inclui atendimento especial na sede da coordenadoria regional do Sebrae/SC e na Sala do Empreendedor, além de capacitações e orientações técnicas. O mutirão também visa o auxílio a pessoas que querem se tornar MEI, fazer a declaração anual e esclarecer dúvidas com relação à atividade.

Nesta quarta-feira (16), das 13h30 às 17 horas, haverá consultoria na subprefeitura da Efapi e, às 19 horas, ocorrerá workshop com o tema “WhatsApp Business para pequenos negócios”, no auditório do Sebrae/SC. Outra oficina terá foco para o tema Sei Controlar Meu Dinheiro e está programada para sexta-feira (18), no Centro de Eventos de Chapecó, a partir das 19 horas.  

O gestor Estadual de Políticas Públicas do Sebrae/SC, Diego Wander Demétrio, explica que  a Semana do MEI tem foco para as alterações da categoria jurídica para este ano. “A principal delas está relacionada ao faturamento que passou de R$ 60 mil para R$ 81 mil por ano. Estamos sempre à disposição para esclarecer dúvidas, tanto para quem busca a formalização, quanto para os empreendedores formalizados, porém, neste período as ações são mais intensas”.

Diego alerta, ainda, para a importância da atenção ao cumprimento de algumas obrigações como pagamento da guia mensal que vence todo dia 20 e realização da Declaração Anual de Rendimentos (DASN-SIMEI). Essa declaração, gratuita, visa informar o faturamento que o MEI teve com o seu negócio ao longo do ano e o prazo de envio encerra em 31 de maio.

Santa Catarina possui atualmente mais de 270 mil microempreendedores individuais formalizados. O número é expressivo para a economia do Estado, já que representa cerca de 50% do total das empresas de Santa Catarina. Um estudo do Sebrae mostrou que o Estado foi o que mais registrou aumento no número de microempreendedores individuais entre os anos de 2013 e 2016, chegando a 94,8% no acumulado dos anos. Nos 54 municípios da área de abrangência da coordenadoria regional oeste do Sebrae/SC, o número atual contabiliza mais de 21 mil MEIs.

Informações pelos telefones (49) 3433 2600 e (49) 3330 2804.

OUTRAS AÇÕES DO “CIDADE EMPREENDEDORA”

As próximas atividades do Programa Cidade Empreendedora contemplam entrega do “Chapecó em Números” nesta segunda-feira (21), às 7h45, no auditório da prefeitura, além da capacitação do Programa Jovens Empreendedores Primeiros Passos (JEPP) aos professores de 1º ao 9º ano que ocorrerá a partir de segunda (21) e prossegue até o dia 25 deste mês.

Na última semana, ocorreu reunião de alinhamento das ações com a participação da gestora local do programa Marieli Aline Musskopf e das consultoras credenciadas ao Sebrae/SC Odilene Ozelame e Neusa Oliveira, bem como as representantes da Secretaria Municipal de Educação Sabhrina Frigeri e Silvia Bianchi.

O prefeito Luciano Buligon realça as boas expectativas em relação ao programa de educação empreendedora nas escolas e destaca a importância do levantamento “Chapecó em Números”, mencionando que o documento é essencial, pois servirá como base para pensar novas estratégias de desenvolvimento econômico e social de Chapecó. “Essa iniciativa será muito importante como ferramenta para fomentar os projetos em andamento e implementar novas alternativas para o desenvolvimento da economia. Queremos chegar ao fim do programa com resultados representativos e que possam ser demonstrados por meio de um case de sucesso inovador”, conclui.