E-book ajuda empreendedores a planejarem negócios digitais

Canadá oferece 16 oportunidades aos pequenos e médios negócios do País
2 de Abril de 2018
Pequenos negócios já podem pedir parcelamento de dívidas tributárias
11 de Abril de 2018

02

o dia 21 de março, o Governo Federal aprovou o Decreto nº 9319/18 que institui o Sistema Nacional para a Transformação Digital. Por meio desse Decreto, o Governo institucionalizou a Transformação Digital como pauta de política pública. Por essa razão, a EDEVO elaborou um e-book para que empreendedores possam entender este contexto de digitalização do qual o Brasil começou a participar.

“A transformação digital não consiste somente em inserir tecnologia em um negócio. Trata-se de uma lógica de negócios, como um todo, que afeta todas as áreas”, explicou Erik Fontenele Nybo, Head of Inspiration da EDEVO. De acordo com ele, vivemos uma “fase de transição” no mundo dos negócios,  um movimento que é o resultado de anos de alteração na maneira de conduzir as atividades empresariais.

Se num primeiro momento houve o fenômeno da digitalização, que pode ser exemplificado pelo uso do scanner, (documentos e informações no mundo material que passaram a ser introduzidos no mundo digital), agora este processo de “digitalização” está introduzindo parte dos processos analógicos no mundo digital, como sistemas de faturamento, gestão de clientes, dentre outros. “No entanto, hoje no contexto de transformação digital as empresas se tornaram digitais de fato – a cadeia de distribuição, os clientes, os produtos, serviços, faturamento, dentre outros fatores chave do negócio, são digitais”, explicou.

Ele aponta que por essa razão, muitas empresas buscam se atualizar de alguma maneira e, quando falham em compreender esse processo, acabam por apenas contratar um ou outro serviço digital – comportamento típico daquele período da digitização. Assim, há uma falsa ilusão de que a empresa estaria passando pela transformação digital, quando na realidade não está.

“Trata-se, na verdade, de um conjunto de ações, estratégias de negócio e modo de pensar diferentes do modelo tradicional de empresa e isso se aplica para todos os tipos de negócio, independentemente do ramo e tamanho”, finalizou Nybo.

Acesse o e-book completo: https://bit.ly/2pE7Lzt