Microcrédito fortalece investimentos nos pequenos negócios

Cinco Erros que o Empreendedor Deve Evitar
26 de Março de 2018
Qual é o o seu perfil empreendedor: Franquia ou negócio próprio?
28 de Março de 2018

Valmor da Silva que mantém o espírito empreendedor para aperfeiçoar e ampliar os negócios

MB Comunicação

Oferecer um atendimento de qualidade é um aspecto prioritário no Bar do Valmor, situado no bairro Santo Antônio, junto à residência da família, em Chapecó. Fundado em 1997, o empreendimento da categoria jurídica microempresa oferece um espaço criativo, típico do setor, e fica com as portas abertas das 7 horas da manhã a meia noite. “Recebo em média 25 clientes por dia”, destaca o proprietário Valmor da Silva que mantém o espírito empreendedor para aperfeiçoar e ampliar os negócios.

Além do bar, ele investiu há cerca de três anos em um bazar para comercialização de roupas e acessórios femininos. Situado ao lado do bar, a ideia surgiu para que a esposa Therezinha Giboski da Silva pudesse trabalhar perto de casa e também para oferecer uma alternativa a mais para a população do bairro. Aliado a isso, Valmor investiu em uma kitnet para alugar e também em um ponto que oferece serviços de entrega de lanches. “As coisas estão difíceis, mas aos poucos vamos investindo e ampliando os negócios. O segredo é trabalhar e atender bem o cliente”.

Para aperfeiçoar os empreendimentos e manter capital de giro, Valmor conta que faz empréstimos na Credioeste (agência de microcrédito) desde 2002. “Até o momento foram mais de 10 créditos”, revela, destacando que o atendimento é bom, os juros são atrativos e que os financiamentos foram essenciais para que pudesse crescer.

A Credioeste é uma organização sem fins lucrativos, criada para atender empreendedores formais e informais. O objetivo é apoiar o desenvolvimento dos pequenos negócios, mantendo e gerando postos de trabalho, ocupação e renda por meio da concessão de crédito para capital de giro, fixo e misto.

A agência começou as atividades em novembro de 1999, em Chapecó, tendo como vantagem a desburocratização dos créditos, com liberação em 24 horas. Os valores vão até R$ 10 mil, com pagamento de 06 a 24 meses. Além da sede em Chapecó, a Credioeste conta com três pontos avançados de atendimento: Nonoai (RS), que atende o norte do Rio Grande do Sul; Passo Fundo (RS) e Pinhalzinho (SC).

A metodologia de trabalho é própria e consiste em visitas dos agentes de crédito aos clientes para identificar as necessidades e orientar sobre o uso do crédito. Antes de formalizar o empréstimo, é feito um levantamento com o microempreendedor para obter informações econômicas, sociais e familiares. Com isso, é possível orientá-lo sobre a melhor forma de utilizar o crédito. O agente responsável por atender o empreendedor Valmor da Silva é Valmor de Paula.